Home
DGC
    Ministério da Economia
    DGC

    Crédito aos consumidores - Implementação da Recomendação macroprudencial em vigor

    Banco de Portugal

    Com o objetivo de mitigar a acumulação do risco sistémico, aumentar a resiliência do setor financeiro e promover o acesso a financiamento sustentável por parte das famílias, o Banco de Portugal publicou a 25 de março o Relatório de Acompanhamento da Recomendação macroprudencial no âmbito de novos contratos de crédito a consumidores.
    A Recomendação estabelece limites para os critérios utilizados pelas instituições na avaliação da solvabilidade dos mutuários, excluindo
    a) contratos de crédito cujo montante total seja igual ou inferior a dez vezes a remuneração mínima mensal garantida
    b) operações de crédito destinadas a prevenir ou regularizar situações de incumprimento
    c) contratos de crédito sob a forma de facilidades de descoberto e outros créditos sem plano de reembolso definido, incluindo cartões e linhas de crédito.
    A monitorização da implementação da Recomendação pelas instituições abrangidas tem o objetivo de prevenir potenciais distorções de concorrência ou ações que ponham em causa a eficácia da Recomendação.
    O Relatório refere que os limites considerados na Recomendação estam, em geral, a ser adequados e eficazes no cumprimento dos objetivos estabelecidos: promover a resiliência das instituições financeiras através da aplicação de critérios adequados de concessão de crédito às famílias e fomentar o acesso ao financiamento sustentável das famílias.

    Para mais informações, consulte aqui o comunicado do Banco de Portugal

    • Livro de Reclamações
    • Atendimento ao Consumidor
    • Publicidade
    • Fundo do Consumidor
    • Centro Europeu do Consumidor
    • Inquérito Satisfação
    • Compete 2020 - Portugal 2020
    • Não paramos. Estamos ON.
    • COVID-19
    66