Educação ao Consumidor

Somos todos consumidores e grande parte dos nossos atos diários são na verdade práticas de consumo. Adquirimos produtos, utilizamos água, eletricidade, gás, utilizamos transportes públicos, fazemos pagamentos utilizando cartões de débito ou de crédito, compramos bilhetes para um espetáculo ou para as nossas férias, reservando também o hotel pela Internet.  Todos estes atos são atos de consumo.
O consumo é o último elo da cadeia económica e, em última análise, são os consumidores  que acabam por determinar, quais os bens e serviços que têm sucesso no mercado ou não.
Aprender a consumir, para além da recolha de informação sobre os inúmeros produtos e serviços existentes no mercado e as suas formas de venda, exige conhecimento e reflexão sobre  determinados conceitos, tais como a sua utilidade, o seu preço, o seu impacto orçamental e ambiental, bem como a correta apreensão sobre a forma de reagir perante uma situação de conflito de consumo.
A Educação do Consumidor deve contribuir para capacitar desde os primeiros anos de vida o consumidor, para  termos consumidores mais participativos e responsáveis.

 
  • Livro de Reclamações
  • Atendimento ao Consumidor
  • Publicidade
  • Fundo do Consumidor
  • Centro Europeu do Consumidor
66